As mulheres de François Truffaut

As damas são parte fundamental do cinema de François Truffaut. Mulheres belas que enlouquecem por amor (Adèle Hugo), que fazem os homens enlouquecerem (Marion Vergano), que não encontram mais espaço para o amor (Mathilde Bauchard) e, ainda mais longe nessa exploração, que não conseguem inventá-lo (Catherine, a musa de Jules e Jim). Elas, diz Truffaut, são um universo inacessível e misterioso.

Curta o Palavras de Cinema no Facebook

Catherine (Jeanne Moreau), em Jules e Jim – Uma Mulher para Dois

Jeanne Moreau

Colette (Marie-France Pisier) em Antoine e Colette

antoine e colette

Nicole (Françoise Dorléac) em Um Só Pecado

um só pecado

Clarisse/Linda Montag (Julie Christie) em Fahrenheit 451

fahrenheit-451

Christine (Claude Jade) em Beijos Proibidos

beijos proibidos

Marion Vergano (Catherine Deneuve) em A Sereia do Mississippi

a-sereia-do-mississipi

Ann Brown (Kika Markham) em As Duas Inglesas e o Amor

as-duas-inglesas-e-o-amor

Camille Bliss (Bernadette Lafont), em Uma Jovem Tão Bela como Eu

uma-jovem-tao-bela-como-eu

Julie Baker (Jacqueline Bisset) em A Noite Americana

a-noite-americana

Adèle Hugo (Isabelle Adjani) em A História de Adèle H.

a-historia-de-adele-h-1

Hélène (Geneviève Fontanel) em O Homem que Amava as Mulheres

o-homem-que-amava-as-mulheres1

Cecilia (Nathalie Baye) em O Quarto Verde

o-quarto-verde2

Sabine (Dorothée) em O Amor em Fuga

o-amor-em-fuga

Mathilde Bauchard (Fanny Ardant) em A Mulher do Lado

a-mulher-do-lado

Veja também:
12 diferentes fetiches explorados pelo cinema

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s