Bastidores: Amarcord

Fellini não quis filmar em Rimini porque, segundo ele, não existia mais a Rimini que ele tinha na memória. A cidade foi bastante bombardeada durante a Segunda Guerra. Foi totalmente reconstruída, mas segundo Fellini, não tem mais nada a ver com a Rimini de sua infância. A “Rimini” deste filme foi reconstruída nos estúdios de Cinecittà.

Ao ouvir que Amarcord era autobiográfico, Fellini dizia que o filme não era sobre sua vida. Mas não tinha mais certeza se as situações narradas aconteceram com ele ou não.

Roberto de Castro Neves, consultor e cinéfilo, em O Cinema de (Mauad Editora; pg. 139), sobre o filme de Federico Fellini, baseado em experiências de sua infância na cidade de Rimini. Na foto abaixo, o diretor conversa com a atriz Magali Noël.

amarcord3

Veja também:
A Trapaça, de Federico Fellini

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s