Bastidores: Zodíaco

No filme de Fincher o vilão não aparece tanto na imagem, mas é um velho conhecido do espectador: é o tradicional matador em série, o personagem que para reafirmar seu poder sobre as pessoas comuns desafia a polícia com avisos cifrados de seus crimes – nenhum deles resultado de uma particular explosão de raiva, de ódio ou de um instante de loucura, mas sim de uma ação aleatória na escolha da vítima e profissionalmente bem calculada. O vilão não aparece porque o filme na verdade não se ocupa dele – nem de suas vítimas, que entram em cena pouco antes de morrer e em seguida desaparecem da história. O que Zodíaco quer é discutir como a sociedade deve lidar com o matador profissional.

José Carlos Avellar, crítico de cinema (no site Escrever Cinema), sobre o filme de David Fincher, em ocasião de sua estreia no Festival de Cannes de 2007.

zodíaco

zodíaco1

zodíaco2

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s